1 2 3

RUBENS DE GOUVEIA

Postado em jun 24, 2016 em Depoimentos, Destaque, Vídeos | 0 comentários

Rubens de Gouveia nasceu em Siqueira Campos e veio para Ibaiti em 1941, indo posteriormente para Figueira. Foi convidado para  jogar no time de futebol das Indústrias Matarazzo na cidade de Jaguariaíva, empresa na qual passaria também a trabalhar, em  dezembro de 1952. O apelido “Pirulito”, que ganhou na época em que trabalhava na Companhia Carbonífera Brasileira, de Figueira, o acompanhou, e é reconhecido como um dos expoentes do time da Matarazzo nos anos 1950 e 1960, organizando diversas competições esportivas na região. Em sua entrevista, concedida em 19/6/2016 na cidade de Arapoti, onde atualmente reside e exerce as funções de juiz conciliador, ele conta sobre como ajudou a combater os incêndios de 1963 nas fazendas das Indústrias Matarazzo da região de Jaguariaíva.

 

Saiba Mais

IRINEU POZZOBOM (PARTE II)

Postado em jun 13, 2016 em Depoimentos, Destaque | 0 comentários

Irineu Pozzobom veio com dois anos de idade de Piratuba (antes Bela Vista) para o município de Rolândia, onde a família se estabeleceu. Dedicaram-se inicialmente ao comércio de secos e molhados, muito comum naquela época. O contato com as famílias e a proximidade com o campo o impulsionaram mais tarde a cursar a Faculdade de Agronomia na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, em Piracicaba. Nesta segunda parte de seu depoimento, Irineu conta sobre as situações que presenciou durante os incêndios de 1963.

 

Saiba Mais

IRINEU POZZOBOM (PARTE I)

Postado em jun 3, 2016 em Depoimentos, Destaque | 0 comentários

Irineu Pozzobom veio com dois anos de idade de Piratuba (antes Bela Vista) para o município de Rolândia, onde a família se estabeleceu. Dedicaram-se inicialmente ao comércio de secos e molhados, muito comum naquela época. O contato com as famílias e a proximidade com o campo o impulsionaram mais tarde a cursar a Faculdade de Agronomia na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, em Piracicaba. Na primeira parte de seu depoimento, Irineu conta sobre sua formação profissional e sobre a situação de parte da agricultura paranaense no ano de 1963.
Saiba Mais

Galdino do Carmo Ferreira

Postado em abr 28, 2016 em Depoimentos, Destaque | 0 comentários

Natural de Paraguaçu, tradicional região cafeeira do sul de Minas Gerais, Galdino do Carmo Ferreira chegou ao Distrito de Irerê (antiga Fazenda Marrecas) no dia 12 de outubro de 1948 com a família para trabalhar numa lavoura de café. Tinha na época 17 anos de idade. Em 1955 casa-se com Maria de Lourdes e dessa união nascem Anísio, Fernando e Nilton. A família Ferreira percorre várias regiões do Paraná e Galdino alterna atividades na agricultura e no comércio e também por muito tempo trabalha como taxista, pilotando um Jeep, veículo que reunia as condições necessárias para trafegar nas estradas paranaenses da época.  As queimadas de 1963 atingiram seu sítio quando morava em Ivaiporã. Seu depoimento foi colhido em Londrina, no dia 21 de Abril de 2016.

Saiba Mais