José Antonio Morini ou José Galante, como é conhecido, nasceu em 3 de dezembro de 1952 em Bela Vista do Paraíso. Filho de Gildo Morini e Leonor Fertonani Galante, ele de Ibitinga e ela de Itápolis, tinha 11 anos na época do incêndio. Nessa época já trabalhava com um dos mais conhecidos e importantes fotógrafos pioneiros de Londrina – Augusto Galante. Seu pai era mecânico e tornou-se mateiro no Paraná, quando foi atingido pelo fogo em Inajá, norte novo do Paraná numa fazenda em que era responsável pela derrubada da mata para plantio de café. Emocionado ele conta a história que vitimou seu pai e marcou os destinos de sua família.

Entrevista: José Luiz Alves Nunes

Imagens e edição: Pamela Oliveira

Local: Londrina, Agosto de 2017.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *